Projeto patrocinado pela Petrobras resgata saberes e fazeres ancestrais fluminenses

Publicado em: 05/05/2022 14:44:10

FOTO DIVULGAÇÃO

Escola de Patrimônio Imaterial do Rio de Janeiro prevê alcançar mais de 6 mil pessoas de comunidades tradicionais
 
Jongo, ciranda, dança afro, contos e arte em tecido são alguns dos temas das oficinas da Escola de Patrimônio Imaterial do Rio de Janeiro, projeto incentivado pela Lei Estadual de Incentivo à Cultura e patrocinado pela Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental. Vinculado à Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, a Escola tem o potencial de atingir mais de 6 mil pessoas em cinco localidades do estado do Rio de Janeiro.
 
De acordo com o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), patrimônio imaterial é o conjunto de bens culturais de natureza imaterial, práticas e domínios da vida social que se manifestam em saberes, ofícios e modos de fazer; celebrações; formas de expressão cênicas, plásticas, musicais ou lúdicas; e nos lugares, como mercados, feiras e santuários que abrigam práticas culturais coletivas.

Com essa visão, o projeto Escola de Patrimônio Imaterial do Rio de Janeiro tem por objetivo a educação de crianças, adolescentes e jovens de comunidades tradicionais. Ao longo de dois anos, serão realizadas atividades intergeracionais de transmissão oral de patrimônios imateriais fluminenses, em cinco comunidades detentoras desses saberes e fazeres ancestrais em seus territórios: gastronomia e danças do Quilombo Machadinha, em Quissamã; Ciranda Caiçara de Tarituba, em Paraty; Grupo Zé Mussum de Magé; dança, música e artesanato do Ilê Axé Onixegun de Guapimirim; além de danças e músicas tradicionais da Associação Aruanda de Madureira, na capital do estado.
 
No total, serão 180 oficinas de transmissão de saberes da tradição oral, ministradas por mestres e mestras dessas comunidades para as novas gerações em escolas públicas locais e nas sedes destes grupos centenários; 180 oficinas de capacitação em empreendedorismo cultural, fortalecimento de redes e geração de negócios no campo da Economia Criativa fluminense para jovens e adultos; e 240 eventos lúdicos de patrimônio imaterial e educação ambiental para os 4 mil moradores locais. Além disso, está prevista criação de portal de capacitação que deixará um legado permanente para o projeto.
 
“Um dos objetivos dos projetos socioambientais patrocinados pela Petrobras é buscar o desenvolvimento socioeconômico dos locais onde atuamos. Além de empoderar as comunidades, promovendo a valorização de sua própria cultura, a Escola de Patrimônio Imaterial do Rio de Janeiro também cria oportunidades de geração de renda com suas oficinas voltadas ao empreendedorismo e geração de negócios”, afirma Marcela Souza, gerente de Projetos Sociais da Petrobras.

PROGRAMAÇÃO DE MAIO

MADUREIRA – cidade do Rio de Janeiro
 
Laboratório raízes do Movimento
Data/horário: 17/05/22 - 19h30
Local: Rua João Pereira, 61, Madureira – Rio de Janeiro
Oficinas de danças negras com objetivo de valorizar e dar visibilidade às danças de matrizes africanas.

Fuzuê de Aruanda
Data/horário: 19/05/22 - 20h
Local: Viaduto Negrão de Lima, Madureira, Rio de Janeiro
A Cia de Aruanda realiza apresentação de patrimônio imaterial: roda de danças populares.
 
Oficina Verme compostagem
Data/horário: 23/05/22 - 10h
Local: Rua João Pereira, 61, Madureira, Rio de Janeiro
A oficina trará métodos de compostagem doméstica de matéria orgânica possíveis de serem realizados em pequenos espaços.

Mundo corporativo
Data/horário: 24/05/22 - 19h30
Local: Rua João Pereira, 61, Madureira, Rio de Janeiro
A oficina de empreendedorismo em Economia Criativa tem como objetivo desenvolver competências e habilidades para identificar o mundo do trabalho e facilitar geração de renda.

MAGÉ

O Jongo, sua música e seus ritmos tradicionais.
Data/horário: 07/05/22 - 13h
Local: Grupo Zé Mussum de Cultura Popular - Avenida Roberto Silveira, 946 - Praia de Mauá, Magé
O Mestre PC e seu grupo mantêm a tradição familiar dos tempos dos vice-reis. A oficina tem por objetivo apresentar ao público a musicalidade e os ritmos do jongo, tanto em sua matriz tradicional, quanto nas novas formas de realização.

Empreendedorismo II - Noções de Planejamento Estratégico II
Data/horário: 21/05/22 - 15h
Local: Grupo Zé Mussum de Cultura Popular - Avenida Roberto Silveira, 946 - Praia de Mauá, Magé
O planejamento estratégico é uma ferramenta de gestão que auxilia o empreendedor criativo a mapear o caminho a ser seguido para atingir os objetivos. Na segunda oficina, os alunos continuarão a entender os últimos passos básicos para a criação de um planejamento estratégico simples e eficiente.

Roda de Jongo
Data/horário: 24/05/22 - 19h
Local: Ginásio Poliesportivo Edson Alves - Av. Governado Roberto Silveira s/nº, Anil, Magé
O jongo é uma das mais tradicionais formas de expressão da cultura afro-brasileira. Esta apresentação artística resgata o jongo familiar para propor aos espectadores fazerem parte do renascimento contínuo dessa manifestação tradicional.

Reciclagem - Oficina de Confecção de Bonecas Negras
Data/horário: 28/05/22 - 13h
Local: Rua Antônio França, 50, Santo Aleixo, Magé
As bonecas são confeccionadas através de materiais recicláveis, com reaproveitamento de sacolas e garrafas pet.

GUAPIMIRIM

Horta Comunitária
Local: Centro de Tradições Afro Ilê Axé Onixêgum – R. Prefeituras, 769, Parada Ideal, Guapimirim
Data/horário: 14/05/22 - 9h
O Centro de Tradições Onixêgun abre as portas em busca de diálogo com a comunidade vizinha da Pindoba, para a criação da primeira horta comunitária do local. Será ensinado condicionamento do solo, plantio, cultivo e colheita e faremos a horta com reaproveitamento de matérias de reciclagem tais como, pneu, latas de alumínio e garrafas pet. Todo alimento será dividido entre a comunidade.

Tecendo Ideia em Nós
Local: Centro de Tradições Afro Ilê Axé Onixêgum - R. Prefeituras, 769 - Parada Ideal, Guapimirim
Data/horário: 15/05/22 - 10h
Encontro para trabalhar a criatividade de artes com tecidos com retalhos de todos os tamanhos: Abayomi, composições, customizações e o que mais surgir. Com agulha, pano, linha, laços, fitas e nós. Entre uma palavra e outra, em zigue e zague, vamos ressignificando o fazer e suas possibilidades.

Funmilayo: ancestralidade e cuidado
Data/horário: 21/05/22 - 14h
Local: Centro de Tradições Afro Ilê Axé Onixêgum - R. Prefeituras, 769 - Parada Ideal, Guapimirim
Oficina que visa à recuperação de memórias familiares dos participantes, dando ênfase no processo de autocuidado e cuidado do outro – uma prática familiar ancestral afro-referenciada. Na pauta, medicina tradicional (popular), da fitoterapia e da aromaterapia, além de um olhar objetivo para realidade econômica de cada um e de seu entorno, com a confecção repelente natural, bálsamo para dores e sais de banho/escalda pés. Bases pedagógicas: Paulo Freire e bell hooks, resgate ancestral da filosofia yoruba para o cotidiano e concepção de aquilombamento de Abdias do Nascimento.

Evento de lançamento da Escola de Patrimônio Imaterial
Data/horário: 28/05/22 - 14h
Local: Centro de Tradições Afro Ilê Axé Onixêgum - R. Prefeituras, 769 - Parada Ideal, Guapimirim

Troca de Saberes
Data/horário: 29/05/2022 - 09h
Local: Centro de Tradições Afro Ilê Axé Onixêgum - R. Prefeituras, 769 - Parada Ideal, Guapimirim
Roda de conversa e troca de saberes com mestras e mestres de cultura popular do Estado do Rio de Janeiro – reencontro após dois anos de reclusão. Cada um vai falar sobre suas experiências em seus territórios e sobre suas manifestações tradicionais.

×

Acesso ao Conteúdo

Exclusivo para jornalistas cadastrados.

×

Enviar notícia

Preencha o formulario abaixo para enviar a notícia:

× Crédito AGÊNCIA PETROBRAS

A Equipe Mitsubishi Petrobras, formada pelo piloto Guilherme Spinelli e pelo navegador Youssef Haddad, disputa a 21ª edição do Rally dos Sertões.

×

TESTE