Terminais de Regaseificação de GNL da Petrobras batem o recorde anual de transbordos

Publicado em: 23/11/2021 19:12:10

FOTO AGÊNCIA PETROBRAS

Marca de 104 operações em novembro superou 2014, ano de maior demanda. Até dezembro, expectativa é chegar a 120 transbordos

A Petrobras atingiu em 4 de novembro de 2021 o recorde de 104 operações de transbordo de cargas de gás natural liquefeito (GNL) entre embarcações (STS ou Ship-to-Ship) através de seus terminais de regaseificação de GNL. A marca superou os 103 procedimentos registrados em 2014, anteriormente o ano de maior demanda. Até o final de 2021, a expectativa é chegar a 120 transbordos. O aumento do número de operações reflete o crescimento das importações de GNL pela Petrobras este ano. Desde 2009, data de inauguração do primeiro terminal de GNL do Brasil, foram realizadas 716 operações no total.
 
O recorde é resultado de um conjunto de iniciativas adotadas pela Petrobras para ampliar a oferta de gás natural, garantindo o atendimento aos seus compromissos no atual cenário de crise hídrica nacional. E somente foi possível devido ao esforço da equipe de gestão dos terminais para manutenção da integridade e da disponibilidade dos ativos da companhia, bem como das equipes de programação e comercial para aquisição das cargas de GNL no mercado, garantindo a disponibilidade de estoque.

×

Acesso ao Conteúdo

Exclusivo para jornalistas cadastrados.

×

Enviar notícia

Preencha o formulario abaixo para enviar a notícia:

× Crédito AGÊNCIA PETROBRAS

A Equipe Mitsubishi Petrobras, formada pelo piloto Guilherme Spinelli e pelo navegador Youssef Haddad, disputa a 21ª edição do Rally dos Sertões.

×

TESTE