Petrobras lança desafio na RoboCup Brasil 2021

Publicado em: 11/10/2021 18:39:13

FOTO DIVULGAÇÃO ROBOCUP

Evento, online e gratuito, reúne dois mil estudantes, feras da robótica
 
A Petrobras patrocina a RoboCup Brasil, o maior evento relacionado à robótica do país, com dois mil estudantes inscritos, e lança o Desafio de Robótica Petrobras, com objetivo estimular o estudo e o desenvolvimento de autônomos voadores e inteligentes (drones). O evento será no formato online, de 11 a 16 de outubro, com acesso gratuito e transmitido ao vivo no canal da Competição Brasileira de Robótica (CBR) e da RoboCup Brasil no Youtube. O desafio simula atividades em ambiente de exploração e transporte de petróleo e gás natural e foi desenvolvido pelo Centro de Pesquisas e Desenvolvimento da Petrobras (Cenpes) com a RoboCup Brasil. A Petrobras apoia também dois eventos paralelos à Robocup Brasil, a Olimpíada Brasileira de Robótica e a Mostra Nacional de Robótica. Assim como  a competição brasileira, eles são etapas da Robocup internacional, uma das maiores disputas internacionais do gênero.
 
“A robótica está cada vez mais inserida nas atividades da Petrobras como, por exemplo, no uso de robôs para execução de pinturas e em operações autônomas da companhia. É muito bom ver a Petrobras patrocinando eventos como esse e incentivando a formação de novos inventores e empreendedores, que irão nos apoiar a evoluir cada vez mais nessa frente de inovação”, avalia o diretor de Transformação digital e inovação da Petrobras, Nicolás Simone.

A competição é dividida em categorias, nas quais os robôs são desafiados a executar tarefas sem qualquer intervenção humana. As atividades do Desafio de Robótica Petrobras ocorrem dos dias 11 a 15/10, sempre às 15 horas. O último dia do evento é reservado para a premiação dos competidores.
 
Organizador do Desafio Petrobras, por parte da Robocup, o professor Tiago Pereira, da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), também destaca a importância do desafio para a formação de novos profissionais: “cada vez mais você vai precisar de gente qualificada na área de robótica e o desafio ajuda a academia a formar mão de obra, pessoas que saibam programar robôs. Isso é muito importante nessa área. A cada ano avançamos na demanda tecnológica e os alunos aprendem muito na competição”, afirma.

A arena virtual da competição foi aperfeiçoada e reproduz de forma ainda mais realista o cenário offshore. Ela simula o ambiente de dutos petrolíferos, com plataformas marítimas com bases suspensas de pousos e decolagens, base terrestre costeira e bases terrestres avançadas. Em cada uma delas, as equipes precisam cumprir provas e desafios para acumular pontos.


 
Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR)

É uma olimpíada científica destinada a estudantes com idade entre sete e 19 anos de todo o Brasil. Está dividida nas modalidades prática e teórica. Durante os dias 11 e 16 de outubro acontecem as finais da Modalidade Prática (virtual), que é dividida em duas categorias: Simulação e Apresentação.

Simulação: Voltada para os estudantes do 1 ao 9º ano do Ensino Fundamental, Médio e Técnico. A missão desta modalidade é realizar o resgate de vítimas de uma situação de desastre utilizando robôs virtuais em um ambiente simulado. Eles utilizam um simulador desenvolvido pela organização da OBR, o Sbotics. Equipes do nível 2 - estudantes do Ensino Médio -concorrem a uma vaga na RoboCup Mundial.
Foram realizamos etapas regionais, onde as duas melhores equipes de cada estado se classificaram para a etapa nacional que acontece agora em outubro.
 
Apresentação: Equipes de estudantes apresentam, em vídeo, um projeto desenvolvido por eles durante o ano letivo e que relaciona a robótica a uma das seguintes categorias: Maker, Inovação, Programação, Trabalho em Equipe, Modelagem Virtual, Responsabilidade Social e Divulgação Científica. Os alunos precisam pesquisar, projetar e construir seus próprios robôs e programações, usando kits de robótica, placas e componentes eletrônicos, peças avulsas em geral, microcontroladores, entre outros.
 
Mostra Nacional de Robótica (MNR)

A mostra é voltada para alunos desde o ensino fundamental até o superior e o objetivo é estimular e difundir o estudo da robótica no país.

Estudantes e professores que desenvolvem projetos na área, durante o ano letivo, inscrevem seus projetos em forma de artigo, com vídeos ou fotos do trabalho sendo desenvolvido. Os trabalhos são avaliados e, se selecionados, participam da mostra, onde os alunos devem apresentar o trabalho para o público e para avaliadores. Os projetos mais bem avaliados concorrem a bolsas de Iniciação Científica Júnior CNPQ/MNR, e a um incentivo financeiro para que o trabalho continue sendo desenvolvido durante o ano letivo posterior.

×

Acesso ao Conteúdo

Exclusivo para jornalistas cadastrados.

×

Enviar notícia

Preencha o formulario abaixo para enviar a notícia:

× Crédito AGÊNCIA PETROBRAS

A Equipe Mitsubishi Petrobras, formada pelo piloto Guilherme Spinelli e pelo navegador Youssef Haddad, disputa a 21ª edição do Rally dos Sertões.

×

TESTE