Petrobras conclui a venda da TAG

Publicado em: 20/07/2020 20:47:57

FOTO ANDRÉ MOTTA DE SOUZA / AGÊNCIA PETROBRAS

A Petrobras, em continuidade ao comunicado divulgado em 13 de março de 2020, informa que celebrou contrato de compra e venda de ações, referente a sua participação remanescente de 10% na Transportadora Associada de Gás S.A. (TAG), com o grupo formado pela ENGIE e pelo fundo canadense Caisse de Dépôt et Placement du Québec (CDPQ).

O valor da transação foi de R$ 1,1 bilhão. Considerando o desconto de R$ 110 milhões já recebidos em junho a título de dividendos e os demais ajustes previstos em contrato, a transação foi concluída pelo valor de R$ 1,0 bilhão, integralmente quitado na data de hoje.

Ao comparar o valor desta operação com o valor da alienação de 90% da TAG ocorrida em junho de 2019, é necessário considerar que a dívida da TAG aumentou de R$ 2 bilhões para R$ 23 bilhões, o que gerou um pagamento de R$ 2 bilhões em favor da Petrobras, já considerados no montante total divulgado no fechamento da venda da participação de 90%, conforme divulgado no resultado do terceiro trimestre de 2019.

A presente transação representa mais um importante marco para a abertura do setor de gás natural no Brasil, e com ela a Petrobras atende, com 18 meses de antecedência, a um dos compromissos assumidos no âmbito do Termo de Cessação de Conduta celebrado com o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) em 08/07/2019.

Essa operação está alinhada à estratégia de otimização do portfólio e à melhoria de alocação do capital da companhia, visando à maximização de valor para os seus acionistas.

Segundo Ana Paula Saraiva, a conclusão da venda dos 10% da TAG para o consórcio formado pela ENGIE e o CDPQ é motivo de celebração. “Mais um passo na nossa estratégia de alocação de capital e na abertura do mercado de gás. Desejo sucesso à ENGIE e ao CDPQ que demonstraram mais uma vez confiança para investir no Brasil.”

De acordo com Mauricio Bähr, CEO da ENGIE Brasil, a aquisição dos 10% remanescentes da TAG demonstra a confiança da empresa no Brasil está alinhada com as metas estratégicas de crescimento em renováveis, ativos de infraestrutura e soluções para cidades, empresas e territórios. “Em 2019, a nova administração da companhia elaborou um plano de retomada dos investimentos na TAG, que envolverá recursos de aproximadamente R$ 1 bilhão ao longo dos próximos cinco anos, garantindo a integridade dos ativos de transporte e aumentando a sua segurança operacional”.

Sobre a TAG

A TAG é uma companhia que atua no setor de transporte de gás natural, detendo atualmente autorizações de longo prazo para operar e administrar um sistema de gasodutos de cerca de 4,5 mil km de extensão, localizados principalmente nas regiões Norte e Nordeste do Brasil, com capacidade instalada de 75 MMm3/d.

O grupo formado pela ENGIE e pelo CDPQ já detinha 90% de participação na TAG, adquirida da Petrobras em junho de 2019.

×

Acesso ao Conteúdo

Exclusivo para jornalistas cadastrados.

×

Enviar notícia

Preencha o formulario abaixo para enviar a notícia:

× Crédito AGÊNCIA PETROBRAS

A Equipe Mitsubishi Petrobras, formada pelo piloto Guilherme Spinelli e pelo navegador Youssef Haddad, disputa a 21ª edição do Rally dos Sertões.

×

TESTE