Petrobras adota ampla testagem e medidas rigorosas de prevenção à Covid-19

Publicado em: 07/05/2020 08:30:11

A Petrobras não tem medido esforços para enfrentar a pandemia de Covid-19, que assola não só a empresa, mas todo o país e o mundo. A companhia é responsável por prover serviços essenciais, como o fornecimento de combustíveis e energia que abastecem ambulâncias, hospitais e veículos de carga e transporte. Por isso, vem adotando medidas para proteger a saúde dos seus colaboradores, mitigar a propagação do vírus na companhia e garantir a continuidade, de forma segura, de atividades essenciais para toda a sociedade brasileira.
 
As medidas da Petrobras estão entre as mais rigorosas adotadas no segmento de petróleo. Também atuamos junto às empresas prestadoras de serviços para que as mesmas medidas sejam adotadas.
 
A companhia, por exemplo, testa todos os colaboradores com suspeita, sendo uma das primeiras empresas brasileiras a realizar esse procedimento em larga escala. Foram mais de 6,3 mil testes realizados, entre empregados, prestadores de serviços e pessoas que tiveram contato com profissionais com sintomas, estivessem em home-office ou em atividade presencial. Mesmo com a enorme dificuldade e escassez de testes e serviços especializados no mercado - o que tem impactado todas autoridades públicas de saúde no país -, a Petrobras investiu fortemente na estratégia de testagem e tem números mais precisos que outras empresas e a sociedade em geral. Para se ter ideia, na companhia são feitos cerca de 40 testes por grupo de mil pessoas e, a título comparativo, essa taxa nos Estados Unidos é de cerca de 23/mil pessoas. (fonte dos dados: Petrobras e Johns Hopkins University)
 
A testagem ampla permite um diagnóstico mais preciso e, assim, é possível identificar logo no início quem está com o vírus. Com isso, os colaboradores iniciam os cuidados precocemente, muitas vezes quando estão assintomáticos (situação em que, se não houvesse teste, sequer seriam contabilizados como confirmados). Quase metade (143) dos 330 empregados diretos (em um total de 46.416) que testaram positivo para Covid-19 já está recuperado (dados de 02/05).
 
Nas plataformas os cuidados são redobrados. Todos os colaboradores são testados antes do embarque e, quando o teste detecta a doença, retornam para a casa e ficam sob monitoramento de equipes de saúde. Desde de 19 de março, a Petrobras também vem reduzindo o efetivo nas atividades operacionais ao mínimo necessário para continuidade das atividades essenciais com segurança. Atualmente o efetivo em unidades operacionais está reduzido a cerca de metade e as pessoas que atuam em função administrativas estão em home-office.
 
A Petrobras também iniciou a distribuição de máscaras de uso não profissional em suas unidades. A distribuição de máscaras foi priorizada nas localidades com decreto de uso obrigatório, porém, foi rapidamente expandida para todas as áreas operacionais, com prazos de fornecimento definidos a partir de critérios técnicos e logísticos, de acordo com a capacidade de atendimento pelo mercado.

Além destas medidas, diversas ações vêm sendo implantadas nas unidades, como reforço nas rotinas de limpeza para prevenção à Covid e outras alterações na rotina operacional para permitir o distanciamento entre as pessoas, como diminuição no número de pessoas nos transportes aéreos e terrestres; ampliação do horário de funcionamento de refeitórios para diminuir a concentração de pessoas e possibilitar o distanciamento; reforço dos pontos de disponibilização de álcool em gel, entre outras medidas.

×

Acesso ao Conteúdo

Exclusivo para jornalistas cadastrados.

×

Enviar notícia

Preencha o formulario abaixo para enviar a notícia:

× Crédito AGÊNCIA PETROBRAS

A Equipe Mitsubishi Petrobras, formada pelo piloto Guilherme Spinelli e pelo navegador Youssef Haddad, disputa a 21ª edição do Rally dos Sertões.

×

TESTE