Petrobras realiza solenidade de formatura do Programa Jovem Aprendiz no Rio Grande do Norte

Publicado em: 09/06/2014 10:36:11

A Petrobras, a Fundação de Apoio à Educação e ao Desenvolvimento Tecnológico do Rio Grande do Norte (FUNCERN) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) realizaram nesta sexta-feira (06/06), a solenidade de encerramento do Programa Petrobras Jovem Aprendiz (PPJA) no Rio Grande do Norte. Esta é a terceira edição do projeto, que foi realizado de junho de 2012 a junho de 2014 nos municípios de Alto do Rodrigues, Guamaré, Mossoró e Natal. O evento foi realizado na sede da Petrobras, na capital potiguar, e certificou 44 jovens. Em todo estado, o programa teve 156 concluintes.

O gerente de Núcleo de Serviços para a UO-RNCE da Petrobras, Antônio José da Silva Barbosa, destacou o resultado positivo do programa. “O PPJA não deixa de ser uma ação na área de responsabilidade social, com base na qualificação e preparação dos jovens a serem inseridos no mercado de trabalho. Este momento de conclusão representa, na verdade, o começo da vida profissional de vocês”, disse. O gerente lembrou que, desde a sua primeira edição na UO-RNCE, em 2006, o projeto já beneficiou 526 pessoas. O Programa Petrobras Jovem Aprendiz tem, ainda, a parceria do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) das cidades de Natal, Mossoró e Macau.

O PPJA tem o objetivo de promover a inclusão social de jovens entre 15 e 21 anos, e trabalha a qualificação profissional, contribuindo para a inserção dos participantes no mercado de trabalho. O programa tem duração de dois anos, período pelo qual os jovens passaram por três etapas de formação. Na primeira etapa os alunos receberam aulas de formação básica com educadores da Funcern, que ofereceu reforço pedagógico nas áreas de português, matemática, informática, aulas de educação e cidadania. Na segunda etapa do projeto, o Senai ofereceu cursos de qualificação profissional aos aprendizes nas áreas de administração, mecânica, elétrica, entre outros.Já na terceira e última etapa, os jovens passaram por um período de vivência profissional na Petrobras, nas áreas de Tecnologia da Informação, Serviços Compartilhados, Jurídico, Construção de Poços Terrestres, Construção de Poços Marítimos, Refino, Contabilidade, Tributário, Biblioteca e na Unidade de Operações de Exploração e Produção do Rio Grande do Norte e Ceará.

A participante da terceira edição do projeto, e oradora representante dos jovens aprendizes, Ericlaudia da Silva, destacou o aprendizado como principal elemento do PPJA. “Ao poder representar meus colegas aprendizes na nossa formatura gostaria de destacar que estamos saindo mais amadurecidos. Hoje estamos qualificados ”.

Estiveram presentes na solenidade o Padre Antônio Murilo Paiva, presidente do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente; Célia Maria Guimarães, representando o secretário Municipal do Trabalho e Assistência Social; o professor Francisco Bernadino de Souza, gerente de Desenvolvimento e Tecnologia da Funcern; e a diretora executiva do Centro de Tecnologias do Gás e Energias Renováveis (CTGAS-ER), Cândida Aragão Lima, representando o Senai.

Programa Petrobras Jovem Aprendiz
O Programa Petrobras Jovem Aprendiz – PPJA foi criado pela Petrobras em 2006 para atender à Lei Federal nº 10.097/2000 e o Decreto nº 5.598, de 1º de dezembro de 2005, que regulamenta a contratação de aprendizes. Tem como objetivo desenvolver um programa educacional inovador para jovens em situação de vulnerabilidade social e econômica que articule de forma criativa a educação básica, a qualificação social e profissional, visando promover sua inclusão social e contribuir para sua melhor inserção no mundo do trabalho.

×

Acesso ao Conteúdo

Exclusivo para jornalistas cadastrados.

×

Enviar notícia

Preencha o formulario abaixo para enviar a notícia:

× Crédito AGÊNCIA PETROBRAS

A Equipe Mitsubishi Petrobras, formada pelo piloto Guilherme Spinelli e pelo navegador Youssef Haddad, disputa a 21ª edição do Rally dos Sertões.

×

TESTE