Museu de Pesca de Santos reabre com apoio da Petrobras

Publicado em: 12/07/2014 09:31:52

Depois de nove meses fechado para obras de restauração, o Museu de Pesca de Santos, São Paulo, reabriu as portas ao público neste mês de julho com um reforço em seu acervo. Uma réplica em tamanho real de um casal de albatrozes da espécie Viageiro no momento da corte foi cedida pelo projeto Albatroz, patrocinado pela Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental. Representantes do Governo, da Secretaria de Agricultura e Abastecimento e da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo estiveram na reinauguração para assinatura de protocolo de intenções para a elaboração do projeto de museografia da instituição.

Além da réplica de albatrozes, o museu também vai expor uma maquete da pesca de espinhel, demonstrando o uso do toriline, uma das medidas usadas pelos pescadores para reduzir a captura incidental dos albatrozes durante a pesca de grandes peixes, como o atum. O Museu de Pesca desenvolve ações científico-culturais, para a sensibilização das comunidades sobre a importância do uso racional do bioma marinho.

Criado há 23 anos em Santos (SP), o Projeto Albatroz tem o objetivo de reduzir a captura incidental de albatrozes e petréis, aves oceânicas ameaçadas de extinção. Atualmente, além da base em Santos, opera em Itajaí (SC), Itaipava (ES), Rio Grande (RS) e Cabo Frio (RJ). Desde 2012, é membro da Rede Biomar, grupo composto também pelos Projetos Tamar, Baleia Jubarte, Coral Vivo e Golfinho Rotador, todos patrocinados pela Petrobras por meio do Programa Petrobras Socioambiental. A finalidade da Rede é desenvolver ações integradas pela conservação da biodiversidade marinha.

×

Acesso ao Conteúdo

Exclusivo para jornalistas cadastrados.

×

Enviar notícia

Preencha o formulario abaixo para enviar a notícia:

× Crédito AGÊNCIA PETROBRAS

A Equipe Mitsubishi Petrobras, formada pelo piloto Guilherme Spinelli e pelo navegador Youssef Haddad, disputa a 21ª edição do Rally dos Sertões.

×

TESTE