MS: UTE Luís Carlos Prestes apresenta seus programas ambientais à comunidade de Três Lagoas

Publicado em: 29/11/2013 20:51:28

                           A Petrobras desenvolve 11 programas ambientais na UTE LCP

Promovido pela Petrobras, o Seminário de Avaliação e Devolução dos Programas Ambientais apresentou, na noite desta quinta-feira (28/11) em Três Lagoas (MS), os programas socioambientais desenvolvidos na Usina Termelétrica Luís Carlos Prestes (UTE LCP) e no entorno do município. O evento contou com a participação de moradores de diversas comunidades, presidentes de associações de moradores, estudantes e autoridades locais, que lotaram o auditório da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS) para conhecer melhor as atividades promovidas pela Petrobras na região desde 2004.

“Trouxemos aqui os resultados das pesquisas e ações desenvolvidas durante anos por muita gente séria e qualificada. Um resultado que vai desde a manutenção da diversidade de animais no entorno da usina, passando pela boa qualidade do ar e também das águas”, destacou o gerente da UTE, Marcelo Ferreira Pelegrini, que detalhou ainda o funcionamento e a importância econômica da termelétrica. “Promovemos aqui uma oportunidade única para mostrar nosso trabalho e responsabilidade ambiental para esse público tão diverso, que vai de crianças a idosos”, concluiu.

Os programas foram detalhados pela engenheira de Meio Ambiente, Ágatha Comineti que citou, por exemplo, a presença de aves que têm sido consideradas indicadoras ambientais, como algumas espécies de pica-pau, por serem as primeiras a desaparecer em áreas impactadas. “Além dos pássaros, catalogamos a presença de répteis e até tamanduás, comprovando que o meio ambiente está sendo preservado e os impactos estão sob controle”, enfatizou a engenheira, ao explicar que o monitoramento da fauna, do ar, água e resíduos é constante.

Outro ponto abordado durante o evento foi a consciência ambiental repassada a professores e estudantes de 15 escolas municipais por meio do projeto de Educação Ambiental e Comunicação Social, realizado pela Petrobras em parceria com a UFMS e Secretaria Municipal de Educação. “Esta iniciativa capacitou professores e demonstrou aos alunos, por meio de atividades como oficinas e teatro, a importância de preservar o lugar em que vivemos”, apontou a professora da UFMS Edima Aranha, que encerrou o ciclo de palestras. 

Tal projeto culminou ainda na edição de um livro sobre o desenvolvimento sustentável da área situada às margens do rio Sucuriú, apresentado, durante congresso na Costa Rica, a representantes do México, Uruguai, da Espanha, Venezuela, Colômbia, Chile e Argentina e considerado referência internacional. “Hoje conseguimos devolver à sociedade o resultado das ações que acontecem em Três Lagoas e servem de exemplo a outras empresas”, finalizou a professora.

Atualmente, são desenvolvidos 11 programas ambientais na UTE LCP:
- Programa de Gerenciamento de Emissões Atmosféricas - monitora os gases de queima dos quatro turbo-geradores de energia elétrica para assegurar que os níveis de emissão estejam nos limites permitidos pela legislação.
- Programa de Monitoramento da Qualidade do Ar - monitora a qualidade do ar em Três Lagoas em uma estação que opera ininterruptamente no bairro Vila Nova. Os gases monitorados podem ser resultantes das emissões de várias fontes, tais como automóveis, atividades industriais e queimadas.
- Programa de Monitoramento da Fauna Terrestre - monitora trimestralmente a presença de aves, répteis e mamíferos em parte da área da Cascalheira e em parte da Reserva Biológica das Capivaras. Esta ação mostra que após o isolamento da área da Cascalheira, a quantidade e a diversidade dos animais no local têm aumentado, tendo sido detectadas, até março deste ano, dentre outras, 273 espécies de aves.
- Programa de Educação Ambiental – Espaço de Educação Ambiental onde são desenvolvidas atividades de formação, com apresentações teatrais e ações do Programa Nacional de Racionalização do Uso dos Derivados do Petróleo e do Gás Natural (Conpet). Já foram capacitados 5.281 alunos e 260 professores da rede municipal de ensino.
- Programa de Comunicação Social – promove visitas de membros da comunidade, estudantes de diversos níveis e familiares de seus colaboradores às instalações da Usina para que conheçam de perto suas atividades.
- Programa de Monitoramento de Ruídos – avalia periodicamente o impacto do ruído provocado pela térmica no seu entorno.
- Programa de Monitoramento do Lençol Freático - monitora a qualidade da água subterrânea na área da UTE LCP.
- Programa de Monitoramento Aquático – monitora a qualidade das águas e a fauna do Lago Jupiá.
- Programa de Gerenciamento de Efluentes –  monitora todos os efluentes da UTE LCP de acordo com os parâmetros ambientais em vigor.
- Programa de Gerenciamento de Resíduos – gerencia e providencia a destinação final ambientalmente adequada de todos os resíduos da usina.
- Programa de Resgate e Manejo de Fauna – animais encontrados na área da usina são avaliados por um veterinário, recebem cuidados do mesmo se necessário, e são devolvidos à natureza.

Sobre a UTE LCP

A Usina Termelétrica Luís Carlos Prestes (UTE LCP), da Petrobras, em Três Lagoas (MS), iniciou suas operações em 2004, passando a operar em ciclo combinado – quando se usa, além do gás, vapor para gerar energia elétrica – em 2012. Com isso, sua capacidade de geração saltou de 252 MW para 386 MW, energia suficiente para atender a demanda de uma cidade com 1,8 milhão de habitantes.

A instalação dessa usina em Três Lagoas favoreceu a implantação de indústrias em função da expansão da distribuição local de gás natural, uma vez que foi necessária a construção de um ramal da Companhia Estadual de Gás do Mato Grosso do Sul (MSGás) para seu abastecimento no Distrito Industrial II.

A UTE LCP gera, hoje, 140 empregos diretos, que se desdobram em empregos indiretos, o que amplia a renda do trabalho no município, estimulando a economia local e contribuindo para o aumento na arrecadação local de impostos.

Outra fonte de estímulo à economia da região é o desenvolvimento de fornecedores locais para atender as necessidades da usina. Com esse objetivo, a Petrobras firmou parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

Com a elevação de seu padrão de atendimento, esses fornecedores têm várias outras indústrias como potenciais clientes, entre elas a Unidade de Fertilizantes Nitrogenados III (UFN III) que a Petrobras está construindo em Três Lagoas.

De forma mais ampla, ao fornecer energia para o Sistema Interligado Nacional (SIN), a UTE LCP, do Parque Gerador da Petrobras, contribui para a maior flexibilidade e segurança do Sistema Elétrico Brasileiro.

×

Acesso ao Conteúdo

Exclusivo para jornalistas cadastrados.

×

Enviar notícia

Preencha o formulario abaixo para enviar a notícia:

× Crédito AGÊNCIA PETROBRAS

A Equipe Mitsubishi Petrobras, formada pelo piloto Guilherme Spinelli e pelo navegador Youssef Haddad, disputa a 21ª edição do Rally dos Sertões.

×

TESTE