Petrobras . Agência Petrobras

Mayra Aguiar conquista bronze no Mundial de Judô

Publicado em: 30/08/2013 19:56:57

Patrocinado pela Petrobras, o judô brasileiro chegou à sua quarta medalha no Mundial, que está sendo disputado até 1º de setembro no Maracanãzinho, no Rio de Janeiro. Nesta sexta-feira (30), a gaúcha Mayra Aguiar levou a medalha de bronze na categoria até 78kg ao derrotar por ippon a canadense Catherine Roberge. Na segunda-feira (26), Sarah Menezes também ganhou um bronze, na categoria até 48kg. Na terça (27), Erika Miranda foi prata até 52kg. Na quarta (28), Rafaela Silva conquistou a medalha de ouro na categoria até 57kg. A Petrobras também patrocina o Mundial do Rio.

Apesar de líder do ranking mundial e favorita ao ouro, Mayra acabou derrotada nas quartas-de-final pela holandesa Marhinde Verkerk. Como a competição permite que nesta fase o judoca dispute a repescagem, Mayra voltou ao tatame contra a ucraniana Viktoriia Turks. A brasileira venceu a adversária por imobilização, garantindo vaga na disputa pelo bronze.

“Perder uma luta é muito difícil, ainda mais que eu estava com muita vontade de ganhar. Quando você perde, você tem que esquecer da competição e entrar numa nova disputa. Não dava para deixar escapar essa medalha de bronze. Eu fui com muita vontade, porque eu fiquei muito chateada com a derrota nas quartas. Por isso eu precisei de muita motivação para voltar e vencer”, disse Mayra, que já havia conquistado outras duas medalhas em Mundiais, uma prata e um bronze, e foi bronze nos Jogos Olímpicos de Londres-2012.

Além de Mayra, a gaúcha Maria Portela também competiu na categoria até 70kg, mas perdeu na repescagem. Já o paulista Eduardo Santos foi eliminado na primeira luta até 90kg. Neste sábado (31), mais quatro brasileiros competem no Mundial. A paulista Maria Suelen Altheman compete na categoria acima de 78kg. O brasiliense Luciano Correa e o gaúcho Renan Nunes disputam a categoria até 100kg. Para fechar as disputas por peso do Mundial, o paranaense Rafael Silva, o Baby, atual líder do ranking mundial, também luta na categoria acima de 100kg. No domingo (1º/9) será disputada a competição por equipes.

Petrobras e o judô
Ao longo dos próximos quatro anos a Petrobras vai investir R$ 20 milhões no judô. O patrocínio faz parte do Plano Brasil Medalhas, do Governo Federal, que tem o objetivo de colocar o Brasil entre os 10 primeiros países nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016. Entre as contrapartidas do patrocínio está a aplicação da marca nos uniformes da Seleção Brasileira, no site da Confederação Brasileira de Judô (CBJ), na sede, no ônibus oficial dos atletas, em ações promocionais e em todas as competições nacionais organizadas pela CBJ, incluindo o Mundial do Rio.

Além do judô, a Petrobras apoia desde 2011, dentro do Programa Petrobras Esporte & Cidadania e por meio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte, as modalidades boxe, esgrima, levantamento de peso, remo e taekwondo. O objetivo principal do patrocínio é oferecer as melhores condições para o desenvolvimento dos atletas das cinco modalidades contempladas para que o Brasil seja bem representado nas principais competições internacionais.

×

Acesso ao Conteúdo

Exclusivo para jornalistas cadastrados.

×

Enviar notícia

Preencha o formulario abaixo para enviar a notícia:

× Crédito AGÊNCIA PETROBRAS

A Equipe Mitsubishi Petrobras, formada pelo piloto Guilherme Spinelli e pelo navegador Youssef Haddad, disputa a 21ª edição do Rally dos Sertões.

×

TESTE