Distribuidora inaugura depósito de Supply House no Espírito Santo

Publicado em: 12/03/2008 15:57:01

A Petrobras Distribuidora inaugurou hoje, 12 de março, em Cariacica (ES), o depósito de Supply House de Vitória (Devit), destinado ao suprimento exclusivo de produtos químicos, óleos, graxas, combustíveis, álcool anidro, lubrificantes, solventes, fluidos especiais e serviços offshore para as unidades de Exploração e Produção da Petrobras no Espírito Santo.

O espaço, de seis mil metros quadrados de área construída e 12 mil metros quadrados de pátio, vai operar 24 horas e movimentará volume mensal aproximado de seis mil toneladas (que poderá chegar a sete mil em dezembro).

O Devit absorverá também atividades extras como o apoio ao Serviço de Fluidos da Bacia de Campos, operado pela Petrobras Macaé e o beneficiamento de granéis sólidos realizado no Espírito Santo, hoje efetuado por duas unidades terceirizadas, localizado a 10 minutos da retroárea da Cia. Portuária de Vila Velha (CPVV). Este espaço é utilizado para operações de embarque offshore no Espírito Santo enquanto não são concluídas as obras do Porto de Ubu.

Mais confiabilidade

As atividades desempenhadas pelo Devit eramaté sua inauguração efetuadas por unidades de Supply House localizadas em outros estados, que utilizavam os depósitos químicos de Macaé (RJ) e Pojuca (BA). O material era transportado no modal rodoviário até o Porto de Vitória. “A partir de 2006, especialmente com a entrada em operação das plataformas marítimas, as vendas para as unidades da Petrobras no Espírito Santo aumentaram significativamente e sentimos necessidade de manter uma estrutura com maior confiabilidade e segurança na entrega dos produtos”, informou durante o evento o presidente da Petrobras Distribuidora, José Eduardo Dutra.

Para atingir as metas de crescimento sustentável e desenvolvimento para a região, a Distribuidora supre no Espírito Santo; o FPSO-Capixaba, no Campo de Golfinho (produção de 100 mil barris/dia); a produção terrestre da Petrobras no Norte Capixaba (19 mil barris/dia); a Plataforma P-34, no Campo de Jubarte (60 mil barris/dia); a FPSO-Cidade de Vitória, no Campo de Golfinho (com 100 mil barris/dia) e a P-57, cuja inauguração está prevista para 2009 e que produzirá 180 mil barris de petróleo por dia.

Entre as vantagens da implantação do Devit próximo às operações offshore da Petrobras estão a redução do tempo de atendimento à empresa (os deslocamentos rodoviários levavam de 6h a 24h até o Porto de Vitória); redução dos gastos com fretes de entrega e transferência de produtos; sinergia entre as unidades operacionais; eliminação dos riscos de segurança decorrentes do transporte rodoviário dos produtos e eliminação dos gastos administrativos por conta do atendimento local.

Além disso, haverá aumento na confiabilidade de entrega – uma vez que os prazos poderão ser mais exatos e haverá redução no manuseio dos produtos, o que preservará melhor as embalagens e eliminará avarias. A qualidade do serviço também será aprimorada, pois haverá maior disponibilidade de produtos para demandas emergenciais, devido à proximidade física entre a Distribuidora e seu cliente.

O Devit atenderá as unidades de Exploração e Produção da Petrobras pelos próximos quatro anos. Em 2012, ele terá instalações definitivas de 70 mil metros quadrados no Porto de Ubu,  em construção  no município de Anchieta (ES). A Distribuidora investirá cerca de R$ 50 milhões no Depósito do Porto de Ubu, que será dotado de um grande parque de tancagem de produtos químicos; estação de transbordo e envaze de contentores; armazéns para estocagem; pátio para movimentação; planta de granéis sólidos e outros ativos.

×

Acesso ao Conteúdo

Exclusivo para jornalistas cadastrados.

×

Enviar notícia

Preencha o formulario abaixo para enviar a notícia:

× Crédito AGÊNCIA PETROBRAS

A Equipe Mitsubishi Petrobras, formada pelo piloto Guilherme Spinelli e pelo navegador Youssef Haddad, disputa a 21ª edição do Rally dos Sertões.

×

TESTE