Petrobras e PDVSA avaliam convênios nas áreas de refino, exploração e produção

Publicado em: 18/08/2006 00:00:00

Com o objetivo de avaliar o avanço dos acordos subscritos pelos governos da Venezuela e do Brasil, e entre PDVSA e PETROBRAS, em 2005, e continuar fortalecendo os laços entre as duas empresas, o Ministro de Energia e Petróleo e Presidente da PDVSA, Rafael Ramírez, e o Presidente da PETROBRAS, José Sérgio Gabrielli, mantiveram um encontro no dia 17/08, em Caracas.
 
Durante a reunião, os representantes da PDVSA e da Petrobras acordaram o seguinte:
 
Carabobo I - Refinaria Abreu de Lima (Pernambuco)
 
Destacou-se a importância do trabalho conjunto entre a PDVSA e a Petrobras para a quantificação de reservas do campo Carabobo I e da cerimônia realizada num poço em perfuração no campo com o Presidente da Venezuela Hugo Chávez, com o objetivo de dar início à certificação das reservas da Faixa de Petróleo Pesado do Orenoco.
 
Com relação à Refinaria de Pernambuco, se decidiu pela criação de um escritório conjunto no Rio de Janeiro, com técnicos da Petrobras e da PDVSA para realizar um acompanhamento contínuo dos estudos de engenharia do projeto.
 
Ambos representantes destacaram a importância da cerimônia de ontem, 16 de agosto, em Pernambuco, onde foram formalizadas a doação do terreno para a refinaria pelo governo do estado e a contratação da Universidade Federal de Pernambuco para a realização dos estudos de impacto ambiental requeridos pelas normas brasileiras.
 
Mariscal Sucre
 
Com relação a Mariscal Sucre, os dois representantes acordaram que durante os próximos dois meses serão revisadas todas as variáveis econômicas, técnicas e comerciais para a firma definitiva da participação da Petrobras no projeto.
 
 
Campos Maduros
 
Sobre o projeto de explotação de 5 campos maduros na Venezuela que ambas empresas estão estudando, os grupos tanto da Petrobras como da PDVSA terminaram os estudos necessários e, na próxima semana, os grupos técnicos avaliarão conjuntamente os resultados alcançados com vistas à preparação de um plano de desenvolvimento desses campos e dos termos para a conformação da futura Empresa Mista.
 
Etanol

Sobre o projeto de Etanol, acordaram a elaboração de um contrato de longo prazo de fornecimento de etanol da Petrobras para a PDVSA enquanto se desenvolve o projeto de produção própria na Venezuela.
 
Ao final da reunião, o Ministro e Presidente da PDVSA Rafael Ramírez e o Presidente da Petrobras Sérgio Gabrielli, acordaram um novo encontro que inclua às mais altas autoridades das duas empresas, no próximo 16 de setembro no Rio de Janeiro, no marco da exposição Rio Oil & Gas 2006, para avaliar os avanços das ações acordadas na reunião de hoje.
 
Desta forma, Petrobras e PDVSA expressam sua confiança e sua disposição de seguir investindo conjuntamente em projetos na área energética que contribuam ao desenvolvimento da indústria de petróleo e gás no Brasil e na Venezuela.
 
 

×

Acesso ao Conteúdo

Exclusivo para jornalistas cadastrados.

×

Enviar notícia

Preencha o formulario abaixo para enviar a notícia:

× Crédito AGÊNCIA PETROBRAS

A Equipe Mitsubishi Petrobras, formada pelo piloto Guilherme Spinelli e pelo navegador Youssef Haddad, disputa a 21ª edição do Rally dos Sertões.

×

TESTE