Petrobras firma contratos de R$ 10,5 bi para afretar seis unidades de perfuração

Publicado em: 31/07/2006 00:00:00

FOTO AGÊNCIA PETROBRAS

A Petrobras assinou no dia 31/07 contratos para o afretamento de seis unidades flutuantes de perfuração no valor de R$ 10,5 bilhões. Os acordos foram firmados com quatro empresas brasileiras: Construtora Norberto Odebrecht, Petroserv, Queiroz Galvão e Schahin Engenharia. Essas contratações dão continuidade a um programa de longo prazo estabelecido pela empresa para a área de perfuração. 

 

Os contratos resultam de duas licitações: uma para afretamento de quatro sondas com capacidade para operar em lâmina d'água de até 2.000 metros e outra para duas sondas que operarão em até 2.400 metros. A primeira concorrência foi vencida pelas quatro Companhias. A Schahin Engenharia e a Queiroz Galvão venceram, também, a segunda licitação.

 

Todas as unidades ainda serão construídas. As com capacidade para operar em lâmina d'água de até 2.000 metros serão afretadas por sete anos, prorrogáveis por outros sete. Deverão entrar em atividade até 2010. As outras duas serão afretadas por cinco anos, prorrogáveis pelo mesmo período, e começarão a operar em 2009. Uma das exigências da Petrobras é que 90% da mão-de-obra que operará as sondas sejam contratados no Brasil. Esse percentual deverá aumentar gradualmente até chegar a 100%.

 

Apesar de serem projetadas para operar em lâmina d'água de até 2.000 ou 2.400 metros, algumas dessas sondas poderão chegar a 3.050 metros. As unidades poderão ser usadas tanto nos projetos de desenvolvimento da produção como em atividades exploratórias e serão construídas segundo as especificações técnicas mais avançadas da indústria naval de perfuração. Com essas novas sondas a Petrobras está assegurando a frota de equipamentos de perfuração marítima que garantirá a realização de seu Plano de Negócios.

×

Acesso ao Conteúdo

Exclusivo para jornalistas cadastrados.

×

Enviar notícia

Preencha o formulario abaixo para enviar a notícia:

× Crédito AGÊNCIA PETROBRAS

A Equipe Mitsubishi Petrobras, formada pelo piloto Guilherme Spinelli e pelo navegador Youssef Haddad, disputa a 21ª edição do Rally dos Sertões.

×

TESTE