Atletas paralímpicos do Time Petrobras conquistam medalhas no Japão

Publicado em: 30/08/2021 18:14:50

FOTO BANCO DE IMAGENS PETROBRAS

Petrúcio Ferreira e Silvânia Costa se consagraram bicampeões em suas modalidades
 

Os atletas paralímpicos do Time Petrobras Petrúcio Ferreira e Silvânia Costa, ambos do atletismo, se consagraram bicampeões em suas modalidades nos jogos do Japão. Petrúcio provou que continua o homem mais rápido do atletismo paralímpico em sua categoria (T47) e conquistou a medalha de ouro com o tempo de 10.53 segundos nos 100m rasos, quebrando o recorde da prova. Já Silvânia Costa, depois de ter queimado dois saltos, garantiu o bicampeonato paralímpico no salto em distância T11 ao alcançar a marca de 5 metros em sua quinta tentativa. A atleta também disputou as eliminatórias dos 400m rasos, mas sentiu uma lesão na perna e precisou abandonar a prova. Os dois atletas haviam ganhado a medalha de ouro nessas modalidades nos jogos do Rio.
 
O nadador Daniel Dias, maior campeão paralímpico da história do país, conquistou três medalhas de bronze, nas categorias 200m Livre S5, 100m livre S5 e no revezamento 4x50m misto. O atleta nadou ainda nas categorias 50 metros costas e 50m borboleta, ficando na quinta e na sexta colocação, respectivamente. Já o judoca Antônio Tenório, dono de seis medalhas paralímpicas, disputou o bronze na categoria masculina até 100kg, mas acabou perdendo para Sharif Khalilov, do Uzbequistão, em uma disputa apertada.
 
A participação dos atletas do Time na competição continua, com Daniel Dias e Petrúcio Ferreira buscando mais medalhas. Às 22h34 desta terça-feira (horário de Brasília), Daniel nada por uma vaga em sua última final antes da já anunciada aposentaria. O atleta compete nas eliminatórias dos 50m livre e, caso se classifique, disputa a final na manhã do dia seguinte. Já Petrúcio entra nas pistas novamente no dia 3 para buscar uma vaga nas finais dos 400m livre, e pode participar do revezamento 4 X 100m se o Brasil se classificar para as finais.
 
Apoio ao esporte
 
Silvânia, Petrúcio, Daniel e Tenório fazem parte do Time Petrobras, que atualmente conta com 22 integrantes. A Petrobras é uma importante apoiadora de projetos de cultura, esporte, ciência e tecnologia no país e, desde 2015, patrocina o treinamento de atletas de alto rendimento por meio do Time.
 
Além de investir no esporte de alto rendimento, a companhia apoia projetos sociais que fazem do esporte educacional uma ferramenta de desenvolvimento e inclusão social e que têm impacto transformador. Nos últimos 12 meses a Petrobras alcançou cerca de 12 mil pessoas com projetos desenvolvidos nessa linha de atuação em parceria com organizações sociais nos estados do Alagoas, Mato Grosso do Sul, Paraná e Rio de Janeiro. Somados, os investimentos em projetos sociais de cunho esportivo chegam a cerca de R$ 30 milhões no período. Os projetos esportivos de base são desenvolvidos em comunidades onde a Petrobras atua e patrocinados por meio do Programa Petrobras Socioambiental.

Por meio do apoio ao esporte de alto rendimento e a projetos sociais, a Petrobras traz significativo impacto transformador para um número relevante de pessoas e comunidades. A empresa entende que os compromissos com o esporte e as comunidades, reafirmados ano após ano em sua estratégia, contribuem para torná-la cada vez mais forte e relevante para a sociedade brasileira.

×

Acesso ao Conteúdo

Exclusivo para jornalistas cadastrados.

×

Enviar notícia

Preencha o formulario abaixo para enviar a notícia:

× Crédito AGÊNCIA PETROBRAS

A Equipe Mitsubishi Petrobras, formada pelo piloto Guilherme Spinelli e pelo navegador Youssef Haddad, disputa a 21ª edição do Rally dos Sertões.

×

TESTE