Quatro atletas paralímpicos do Time Petrobras disputam jogos no Japão

Publicado em: 23/08/2021 17:56:06

FOTO BANCO DE IMAGENS PETROBRAS

Petrúcio Ferreira será porta-bandeira do Brasil na cerimônia de abertura do evento

A partir dessa semana, os atletas paralímpicos Petrúcio Ferreira e Silvânia Costa, do atletismo, Antônio Tenório, do judô, e Daniel Dias, da natação, vão disputar a principal competição esportiva do ano, no Japão. Eles fazem parte do Time Petrobras, que atualmente conta com 22 integrantes e que alcançou um desempenho marcante nas Olimpíadas de Tóquio, com cinco medalhas. A Petrobras é uma importante apoiadora de projetos de cultura, esporte, ciência e tecnologia no país e, desde 2015, patrocina o treinamento de atletas de alto rendimento por meio do Time.

O primeiro atleta a participar do evento é Petrúcio Ferreira, que foi escolhido, junto com Evelyn Oliveira, da bocha, para ser porta-bandeira do Brasil na cerimônia de abertura dos jogos, a partir das 8h (horário de Brasília) do dia 24. A torcida para os atletas do Time começa no dia 25, com o nadador Daniel Dias, que participará das eliminatórias dos 200M livre e, caso se classifique, disputará as finais no mesmo dia. Até o dia 1/9, Daniel competirá ainda em outras cinco modalidades - 100M livre, revezamento 4 x 50M, 50M borboleta, 50M costas e 50M livre. O nadador é o maior campeão paralímpico da história do país, com 14 das 87 medalhas de ouro conquistadas pelo Brasil em toda a história dos jogos. Aos 33 anos, busca aumentar a coleção de 24 medalhas em sua última participação - ele já anunciou que vai se aposentar após a competição.

A partir do dia 27, têm início as provas do atletismo. Nesse dia, Silvânia Costa, que ocupa o topo do ranking mundial da categoria salto em distância feminino T11, compete em busca de medalhas no salto em distância e nos 400m rasos. Também no dia 27, Petrúcio Ferreira, o atleta paralímpico mais rápido do mundo, estreia na competição nos 100m rasos T47, na qual é favorito. Nos dias seguintes, também disputa os 400m rasos e pode participar do revezamento 4 X 100m. Tanto Silvânia quanto Petrúcio são recordistas mundiais e ganharam a medalha de ouro nos jogos do Rio, no salto em distância e nos 100m rasos, respectivamente.

Para finalizar, o judoca Antônio Tenório, dono de seis medalhas paralímpicas, compete no dia 29/8 na categoria até 100 kg para deficientes visuais. Aos 51 anos, ele disputa a competição pela sétima vez – dessa vez após ter se recuperado da covid-19 e ter sido o primeiro atleta paralímpico a se vacinar.

Olimpíadas

Se fosse um país, o Time Petrobras teria ficado em 28º lugar no quadro geral de medalhas das Olimpíadas de Tóquio, à frente de países como Bélgica, Grécia, Índia e Portugal. Os atletas conquistaram cinco das 21 medalhas do Brasil nos Jogos. O canoísta Isaquias Queiroz, a dupla de velejadoras Martine Grael e Kahena Kunze e a nadadora Ana Marcela obtiveram o ouro em suas modalidades, enquanto a boxeadora Bia Ferreira e o skatista Pedro Barros alcançaram a medalha de prata.

Apoio ao esporte

Além de investir no esporte de alto rendimento, a companhia apoia projetos sociais que fazem do esporte educacional uma ferramenta de desenvolvimento e inclusão social e que têm impacto transformador. Nos últimos 12 meses a Petrobras alcançou cerca de 12 mil pessoas com projetos desenvolvidos nessa linha de atuação em parceria com organizações sociais nos estados do Alagoas, Mato Grosso do Sul, Paraná e Rio de Janeiro. Somados, os investimentos em projetos sociais de cunho esportivo chegam a cerca de R$ 30 milhões no período. Os projetos esportivos de base são desenvolvidos em comunidades onde a Petrobras atua e patrocinados por meio do Programa Petrobras Socioambiental.

Por meio do apoio ao esporte de alto rendimento e a projetos sociais, a Petrobras traz significativo impacto transformador para um número relevante de pessoas e comunidades. A empresa entende que os compromissos com o esporte e as comunidades, reafirmados ano após ano em sua estratégia, contribuem para torná-la cada vez mais forte e relevante para a sociedade brasileira.

×

Acesso ao Conteúdo

Exclusivo para jornalistas cadastrados.

×

Enviar notícia

Preencha o formulario abaixo para enviar a notícia:

× Crédito AGÊNCIA PETROBRAS

A Equipe Mitsubishi Petrobras, formada pelo piloto Guilherme Spinelli e pelo navegador Youssef Haddad, disputa a 21ª edição do Rally dos Sertões.

×

TESTE